Dublin
História
  • As primeiras escritas sobre Dublin foram feitas no ano de 140 d.C pelo astrônomo grego Ptolomeu. Isso garante que Dublin é uma cidade com ao menos dois milênios de tradição, mas provavelmente ela exista há mais tempo que isso. No início do século X, duas colônias co-existiam na cidade. Onde moravam vikings nórdicos, era chamada Dubh Linn (ou Dyflin), e ficava em uma área que hoje se chama Wood Quay.
Atualidade
  • Mais pacata e hospitaleira (e de certa forma, não menos agitada) do que Londres, suas ruas tranquilas e sua fácil locomoção a pé, permitem conhecê-la caminhando por entre prédios de arquitetura georgiana do século 18. Temple Bar é um bairro que enfrentou um período de decadência, mas foi totalmente restaurado na década de 1980. Hoje, abriga, além dos pubs mais descolados, lojas bacanas, galerias de arte, brechós retrôs, restaurantes estrelados e mercados com dias marcados em ruas exclusivas de pedestres.
Motivos para conhecer
  • Dublin é rica de tradições e mitos, museus e galerias;
  • É uma cidade milenar;
  • Um dos melhores lugares do mundo para se viver.

 


IE Explorer